segunda-feira, 29 de dezembro de 2008

Férias e "Brincadeira de Ano Novo"



Pessoal!
Estou saindo por uns dias, mas antes disso não poderia deixar de repassar um meme recebido do Valdeir do blog Ponderantes http://www.ponderantes.blogspot.com/
A princípio este meme se chamava “Brincadeira de Natal”.
Como o Natal já passou o Valdeir o rebatizou de “Brincadeira de Ano Novo”.
Como definido pelo seu criador, é só uma “brincadeira”, uma forma diferente de divulgação entre os blogs amigos.
No entanto, é necessário cumprir algumas regras:
-Linkar a pessoa que o indicou,
-Escrever as regras em seu blog,
-Contar 6 coisas aleatórias sobre você,
-Indique mais 6 pessoas e coloque os links no final do post,
-Deixe a pessoa saber que você a indicou, deixando um comentário para ela,
-Deixe os indicados saberem quando você publicar seu post.
Como sou (coisas minhas):
1. Se disser que sou amigo, sou de verdade.
2. Acho que a fé válida é aquela raciocinada e não, simplesmente, aquela por se ouvir dizer.
3. Adoro filmes – em especial os espiritualistas e aqueles onde haja batalha nos tribunais.
4. Sou indisciplinado para ler (leio vários livros ao mesmo tempo).
5. Curto muito plantas e o cantar dos passarinhos.
6. Sou crítico demais quando os textos são meus e, por isso, deixo muitas vezes de publicá-los.
Os blogs que Indico
UM VENTUROSO ANO NOVO PARA TODOS!

Um Ângulo Especial


Era uma manhã de um dia de semana, desses de céu aberto e muito sol. Um trabalhador dirigiu-se para seu local de trabalho.
Passando em frente a um templo religioso, decidiu entrar. Era uma sala muito ampla e ele sentou num dos últimos lugares, bem ao fundo. Ali se pôs a fazer a sua oração cheia de vida, dialogando com Jesus.
Ouviu, então, em meio ao silêncio, a voz de alguém, cuja presença não tinha percebido: "escute, venha aqui. Venha ver a rosa."
Ele olhou para os lados, para frente, e viu uma pessoa sentada num dos primeiros lugares. Levantou-se e a voz falou outra vez:
"Venha ver a rosa."
Embora sem entender, ele se dirigiu até a frente e percebeu que sobre a mesa havia realmente um vaso, no qual estava uma linda rosa.
Parou e começou a observar o homem maltrapilho que, vendo-o hesitante, insistiu: "venha ver a rosa."
Sim, estou vendo a rosa, respondeu. Por sinal, muito bonita.
Mas o homem não se conformou e tornou a dizer:
"Não, sente-se aqui ao meu lado e veja a rosa."
Diante da insistência, o trabalhador ficou um tanto perturbado. Quem seria aquele homem maltrapilho? O que desejaria com ele com aquele convite? Seria sensato sentar-se ali, ao lado dele? Finalmente, venceu as próprias resistências, e se sentou ao lado do homem.
"Veja agora a rosa, falou feliz o maltrapilho."
De fato, era um espetáculo todo diferente. Exatamente daquele lugar onde se sentara, daquele ângulo, podia ver a rosa colocada sobre um vaso de cristal, num colorido de arco-íris.
Dali podia-se perceber um raio de luz do sol que vinha de uma das janelas e se refletia naquele vaso de cristal, decompondo a luz e projetando um colorido especial sobre a rosa, dando-lhe efeitos visuais de um arco-íris.
E o trabalhador, extasiado, exclamou: é a primeira vez que vejo uma rosa em cores de arco-íris. Mas, se eu não tivesse me sentado onde estou, se não tivesse tido a coragem de me deslocar de onde estava, de romper preconceitos, jamais teria conseguido ver a rosa, num espetáculo tão maravilhoso. É preciso saber olhar o outro de um prisma diferente do nosso.
O amor assume coloridos diversos, se tivermos coragem de nos deslocar de nosso comodismo, de romper com preconceitos, para ver a pessoa do outro de modo diferente e novo.
Há uma rosa escondida em toda pessoa que não estamos sendo capazes de enxergar.
Há necessidade de sairmos de nós mesmos, de nos dispormos a sentar em um lugar incômodo, de deixar de lado as prevenções, para poder ver as rosas do outro, de um ângulo diferente.
Realizemos esta experiência, hoje, em nossas vidas. Procuremos aceitar que podemos ver um colorido diferente onde, para nós, nada havia antes, ou talvez, de acordo com nosso modo de pensar, jamais poderiam ser vistas outras cores.

Texto elaborado pela equipe de redação do momento espírita, a partir detexto recebido pela Internet, sem alusão a autor.

foto: Roselândia

sexta-feira, 26 de dezembro de 2008

Olha outro mimo aí!



Este selo, recebido do Pastor Carlos Garcia do blog ICPNI http://icpniararuama.blogspot.com/, com a licença de todos amigos que fizemos na blogosfera, é dedicado a algumas pessoas que acompanharam o nascimento e ajudaram, de uma forma ou de outra, no crescimento deste blog que ainda engatinha. São eles:
Karla Nogueira do Recanto da Fênix http://www.recantodafenix.com (madrinha do blog)-
Sandra Cantii do Coisas da Vida http://fiorideldeserto.blogspot.com (tudo começou com um queijo mineiro) -
Dani Figueiredo do Mundo Insano http://andarsemrumo.blogspot.com (nossa mestra nas horas difíceis) -
Emilia do Aprendemos http://aprendemos-mikasmi.blogspot.com (uma grande amiga que gosta de muito do que eu gosto)-
Rodrigo Piva do Curiosando (mestre, parceiro de campanha e incentivador) http://www.curiosando.com.br.
A todos eles nosso muito obrigado.
Estejam a vontade para aceitar ou não o mimo.

terça-feira, 23 de dezembro de 2008

O poeta dos sorrisos (Charlie Chaplin)




O canhoto, Sir Charles Spencer Chaplin Jr., mais conhecido como Charlie Chaplin, foi o artista do sorriso, da docilidade, dos gestos pequenos e da grandeza de coração.
O vagabundo Carlitos faleceu em 25 de dezembro de 1977.
Há um texto de sua autoria traduzido para o português que diz mais ou menos assim:
Hei, você, sorria!
Mas não se esconda atrás desse sorriso.
Mostre aquilo que você é sem medo.
Existem pessoas que sonham com o seu sorriso, assim como eu.
Viva! Tente!
Ame acima de tudo; ame a tudo e a todos.
Não faça dos defeitos uma distância, e sim uma aproximação.
Aceite a vida, as pessoas. Faça delas a sua razão de viver.
Entenda! Entenda as pessoas que pensam diferente de você. Não as reprove.
Hei! Olhe! Olhe à sua volta quantos amigos!
Você já tornou alguém feliz hoje, ou fez alguém sofrer com o seu egoísmo?
Hei! Não corra! Para que tanta pressa? Corra apenas para dentro de você.
Sonhe! Mas não prejudique ninguém e não transforme seu sonho em fuga.
Acredite! Espere! Sempre haverá uma saída, sempre brilhará uma estrela.
Chore! Lute! Faça aquilo que gosta – sinta o que há dentro de você.
Hei! Ouça! Escute o que as outras pessoas têm a dizer. É importante!
Suba! Faça dos obstáculos degraus para aquilo que você acha
supremo – mas não esqueça daqueles que nunca conseguem subir a escada da vida.
Hei! Descubra! Descubra aquilo que há de bom dentro de você.
Procure acima de tudo ser gente. Eu também vou tentar.
Hei, você. Não vá embora. Eu preciso lhe dizer que... Gosto de você, simplesmente porque você existe!”
Foto Wikipedia

domingo, 21 de dezembro de 2008

E porque é época de Natal

Gostaria de desejar a todos.

Um Natal Cheio de Paz!

E um Ano Novo,



Com muitas coisas novas.

Muito Trabalho.




Mas, sem correrias e atropelos.


Para suplantar as dificuldades






E para que, acima de tudo, exista muito amor.



Feliz Natal e um Venturoso 2009.

sábado, 20 de dezembro de 2008

Recebidos de amigos e repassados para amigos

Voltaire uma vez disse que: "Quando leio um livro pela primeira vez, tenho o mesmo prazer que se contraísse uma nova amizade; quando volto a lê-lo de novo, é um amigo que visito."
Com os blogs ocorre a mesma coisa. Quando os visitamos pela primeira vez, fazemos um novo amigo. Daí, então, passamos a nos visitar, como os bons amigos fazem entre si, e encontramos as portas de seus blogs sempre abertas, para nos dar as boas vindas.
Recebi, gentilmente, de três amigos os vários prêmios:


De minha amiga Lúcia do Voz Ativa http://vozativa2.blogspot.com/





De meus amigos Emilia do Blog Aprendemos http://aprendemos-mikasmi.blogspot.com e do Luiz Blog do Seu Luiz http://seuluiz.blogspot.com






De minha amiga Emilia do Blog Aprendemos http://aprendemos-mikasmi.blogspot.com - os seguintes mimos:












Os prêmios acima são repassados aos seguintes amigos e seus blogs:


Berenice do Blog da Berenice http://www.blogdaberenice.blogspot.com

Tereza – Blog Simplesmente Tereza http://simplesmentereza.blogspot.com

Paulo Pereira do Blog LuxSalus http://luxsalus.blogspot.com

Raquel do Blog Devaneios e Loucuras http://devaneioseloucuras-raquel.blogspot.com

Mary Miranda do Blog do Blog Fatos de Fato http://marymiranda-fatosdefato.blogspot.com

Idhalino Souza do Musicblog http://souza.musicblog.com.br



Também da minha querida amiga Emilia recebi os prêmios














Estes mimos são repassados aos seguintes amigos:


Blog Amostra Grátis http://amostrasgratisja.blogspot.com


João Assis do Blog do Assis
http://assisj29.blogspot.com


Balinha do Blog Bala Salgada
http://bsalgada.blogspot.com


Pastor Carlos Garcia do Blog ICPNI http://icpniararuama.blogspot.com


Diene do Blog Conecte Jesus http://icpniararuama.blogspot.com


Juan do Blog Nem vem que não tem http://nemvem-quenaotem.blogspot.com


Lisa do Blog Pasárgada
http://lisacom.blogspot.com


Berenice do Blog Hora do Recreio
http://ribeirobr.blogspot.com


Dani do Blog Puxadinho Mundo Insanohttp://arquivomundoinsano.blogspot.com



E, ainda, recebido de meus amigos Emilia do Blog Aprendemos http://aprendemos-mikasmi.blogspot.com e do Luiz Blog do Seu Luiz http://seuluiz.blogspot.com



Este último prêmio é repassado a todos os blogs mencionados neste post.



Desejando a todos Votos de Feliz Natal, lembramos que todos devem estar a vontade para aceitar ou não os prêmios.

quinta-feira, 18 de dezembro de 2008

A Biga Romana e a Nave Espacial


A bitola das ferrovias (distância entre os dois trilhos) nos Estados Unidos é de 4 pés e 8,5 polegadas. Por que esse número foi utilizado? Porque era esta a bitola das ferrovias inglesas e como as americanas foram construídas pelos ingleses, esta foi a medida utilizada.

Por que os ingleses usavam esta medida? Porque as empresas inglesas que construíam os vagões eram as mesmas que construíam as carroças, antes das ferrovias e se utilizavam do mesmo ferramental das carroças.

Por que das medidas (4 pés e 8,5 polegadas) para as carroças? Porque a distância entre as rodas das carroças deveria servir para as estradas antigas da Europa, que tinham esta medida.

E por que tinham esta medida? Porque essas estradas foram abertas pelo antigo império romano, quando de suas conquistas e tinham as medidas baseadas nas antigas bigas romanas.

E por que as medidas das bigas foram definidas assim?

Porque foram feitas para acomodar dois traseiros de cavalos!

Agora veja: o ônibus espacial americano, o Space Shuttle, utiliza dois tanques de combustível sólido (SRB - Solid Rocket Booster) que são fabricados pela Thiokol, em Utah, nos EUA. Os engenheiros que os projetaram queriam fazê-los mais largos, porém tinham a limitação dos túneis das ferrovias por onde eles seriam transportados, e que tinham suas medidas baseadas na bitola da linha férrea.

Assim, um dos projetos mais avançados da engenharia mundial em design e tecnologia acabou sendo afetado pelo tamanho do traseiro dos cavalos da Roma antiga!

Será que nós, no nosso dia-a-dia, quer seja na empresa, quer seja em nossa vida pessoal e profissional, nas coisas simples e complexas não somos afetados por coisas que nem sequer sabemos porque são feitas daquela maneira? Apenas fazemos, sem questionar, sem pensar, sem saber? Será que muitas coisas não poderiam ser mudadas?

E será que nós, quando fazemos alguma coisa ou tomamos uma decisão em nossa empresa ou em nossa vida pessoal ou profissional pensamos nas conseqüências de longo prazo que aquela decisão poderá acarretar?

Momento Espírita

domingo, 14 de dezembro de 2008

Prêmios de Natal




Dani, do blog Mundo Insano anda me deixando mimado.


Acabo de receber os selos abaixo da minha quarida amiga.


Para quem não sabe, desde o começo de - Um Pouco de Tudo - Dani, e outros amigos que fiz na blogosfera, tem tido grande paciência nos meus momentos de dúvida no que diz respeito ao blog.




Dedico a Dani Figueiredo este poema de autor desconhecido

"Pode ser que um dia deixemos de nos falar.
Mas enquanto houver amizade,
Faremos as pazes de novo.
Pode ser que um dia o tempo passe.
Mas, se a amizade permanecer,
Um do outro há de se lembrar.

Pode ser que um dia nos afastemos.
Mas, se formos amigos de verdade,
A amizade nos reaproximará.
Pode ser que um dia não mais existamos.
Mas, se ainda sobrar amizade,
Nasceremos de novo, um para o outro.
Pode ser que um dia tudo acabe.
Mas, com a amizade construiremos tudo novamente,
Cada vez de uma forma diferente,
Sendo único e inesquecível cada momento que juntos viveremos, e nos lembraremos para sempre.”




E repasso os prêmios recebidos para:




Luciana do Perfume de Afrodite http://perfumedeafrodite.zip.net

Joana do Idéia Espírita
http://ideiaespirita.blogspot.com

Victor S. Gomez do Talento da Terra
http://talentodaterra.blogspot.com

João Souza de Magalhães do Reporter Net
http://www.reporternet.jor.br

Geraldo do Pharis Faces
http://www.pharisfaces.blogspot.com



Estejam todos a vontade para aceitar ou não os prêmios.

terça-feira, 9 de dezembro de 2008

Respeito ao Meio Ambiente

Respeitemos o meio ambiente. Cedo ou tarde a natureza nos tratará da mesma forma como é tratada.

video

Amanhã é Natal


Os dias se sucedem tão rápidos que nem nos damos conta... e amanhã já é Natal outra vez...
Foram tantas as lutas...
Você certamente teve problemas, trabalhou, sofreu, sorriu... como todo mundo.
Foram tantos os obstáculos... mas as forças foram ainda maiores, que permitiram superá-los.
Os desentendimentos familiares não foram poucos... mas a fraternidade logrou êxito.
Um filho querido talvez tenha lhe causado dissabores, mas a coragem foi tanta que deu suporte nos momentos amargos.
O lar, tão tranqüilo outrora, esteve ameaçado por terríveis tempestades...
Quase sucumbiu... mas os laços fortes do amor o sustentaram...
A separação promovida pela morte dilacerou as fibras mais sutis da alma... mas a fé em Deus e a certeza da imortalidade conseguiram cicatrizá-las.
A enfermidade cruel nos visitou ou visitou os entes queridos, mas a confiança e a dedicação conseguiram afastá-la.
Enfim, foram tantas dores, tantos momentos amargos... mas também tantas alegrias, tantas vitórias...
Amanhã é Natal...
E Natal é tempo de fraternidade, perdão, solidariedade...
E porque amanhã é Natal, reunamo-nos todos os que lutamos juntos, na alegria e na dor, e que apesar de tudo permanecemos unidos.
Olhemos para a mãezinha a quem chamamos o ano inteiro para pedir roupa limpa, comida, e digamos: mãe, o que seria da minha vida sem você? Eu a amo mãezinha querida.
Ao pai a quem só nos dirigimos para pedir dinheiro, carro emprestado, cartão de crédito, e falemos com carinho: olá, paizão! Apesar de não ter o costume de dizer, eu o amo! Tenho certeza de que minha vida não teria sentido sem você.
Acerquemo-nos daquele irmão com quem não conversamos, olhemos nos seus olhos e falemos: olá, mano! Que bom ter você no meu caminho!
Aproximemo-nos daquele filho infeliz, rebelde, e falemos com ternura: filho, você é a estrela da minha estrada! Sem você a vida não teria sentido...
E, porque amanhã é Natal... Busquemos a serviçal doméstica, que chega ao nosso lar muitas vezes antes do sol nascer e só vai embora depois que o último filho chega do colégio, para lavar a louça e deixar tudo em ordem, e digamos: minha amiga, precisamos uns dos outros, que bom poder contar com você por mais um ano!
E, porque amanhã é Natal... Olhemos para nosso patrão e falemos o quanto ele tem sido importante em nossa vida, pois nos ajuda a ganhar o pão de cada dia.E, porque amanhã é Natal..., Busquemos um lar pobre, onde a fome insiste em se fazer presente e a expulsemos, ainda que por um dia...
Levemos uma alimentação saborosa, temperada com o nosso mais puro afeto e permaneçamos por algum tempo junto aos habitantes, irmãos financeiramente mais carentes que nós.
E, porque amanhã é Natal... lembremo-nos do Aniversariante mais ilustre de que a Terra teve notícias...
Arrebentemos os laços de discórdia que por ventura haja entre os familiares e amigos e abracemo-nos com ternura.
E, porque amanhã é Natal... mostremos ao aniversariante que a Sua vinda à Terra não foi em vão...
Roguemos que nos perdoe por tê-Lo crucificado... E deixemos que Ele nos abrace e nos aconchegue junto ao Seu coração magnânimo...
Porque, amanhã, é Natal...

FELIZ ANIVERSÁRIO PARA O CRISTO QUE EXISTE EM VOCÊ!

Momento Espírita

domingo, 7 de dezembro de 2008

Mimos recebidos e repassados

Recebi ontem (05/12/08), de meu amigo Ricardo do blog Alterados e Sequelados http://alteradoesequelado.blogspot.com , os seguintes prêmios:

Este Blog Faz a Diferença



Prêmio Dardos


Blog Simpático



Seu Blog Altera Meu Dia Para Melhor


Agora, a parte mais difícil, não pelo grande número de amigos e blogs mas, pela qualidade da quase totalidade deles.
Assim, com carinho e admiração, lembrando que todos devem estar a vontade para aceitar ou não os mimos, repasso os mesmos aos seguintes amigos e seus respectivos blogs:
Iêda do Caleidoscópio - http://blogcaleidoscopio.blogspot.com

Joyce do Tutora EAD -
http://tutorajoyce.blogspot.com

Rita Costa do Alma de Poesia -
http://almadepoesia2007.blogspot.com

Seu Luiz do Blog do Seu Luiz -
http://seuluiz.blogspot.com

Rodrigo do Curiosando -
http://www.curiosando.com.br



sexta-feira, 5 de dezembro de 2008

Atire a primeira flor


Quando tudo for pedra... atire a primeira flor.
Quando tudo parecer caminhar errado, seja você a tentar o primeiro passo certo.
Se tudo parecer escuro, se nada puder ser visto, acenda você a primeira luz. Traga para as trevas você primeiro a pequena lâmpada.
Quando todos estiverem chorando, tente você o primeiro sorriso.
Talvez não na forma de lábios sorridentes, mas na de um coração que compreenda, de braços que confortem.
Se a vida inteira for um imenso não, não pare você na busca do primeiro sim, ao qual tudo de positivo deverá seguir-se.
Quando ninguém souber coisa alguma e você souber um pouquinho, seja o primeiro a ensinar. Começando por aprender você mesmo, corrigindo-se a si mesmo.
Quando alguém estiver angustiado, a procura nem sabendo o que, consulte bem o que se passa. Talvez seja em busca de você mesmo que este seu irmão esteja. Daí, portanto, você deve ser o primeiro a aparecer, o primeiro a mostrar que pode ser o único e mais sério ainda talvez o último.
Quando a terra estiver seca que sua mão seja a primeira a regá-la.
Quando a flor se sufocar na urze e no espinho, que sua mão seja a primeira a separar o joio, a arrancar a praga, a afagar a pétala, a acariciar a flor.
Se a porta estiver fechada de você venha a primeira chave. Se o vento sopra frio, que o calor de sua lareira seja a primeira proteção e primeiro abrigo.
Se o pão for apenas massa e não estiver cozido, seja você o primeiro forno para transformá-lo em alimento.Não atire a primeira pedra em quem erra. De acusadores o mundo esta cheio.
Nem por outro lado, aplauda o erro, dentro em pouco a ovação será ensurdecedora.
Ofereça sua mão primeiro para levantar quem caiu.
Sua atenção primeiro para aquele que foi esquecido, seja você o primeiro para aquele que não tem ninguém.
Quando tudo for espinho atire a primeira flor, seja o primeiro a mostrar que há caminho de volta. Compreendendo que o perdão regenera, que a compreensão edifica, que o auxilio possibilita, que o entendimento reconstrói.
Atire você, quando tudo for pedra, a primeira e decisiva flor...

Rosemary Sadalla
Related Posts with Thumbnails